domingo, 1 de maio de 2016

Trabalho: Me conte um conto de amor

A ideia inicial surge no componente "Ateliê de arte e memória" ministrado pelos professores Fábio Nieto e Martin. Ofereceram uma proposta de projeto que tornássemos objeto artístico, uma memória.

Ideia inicial:
Fazer um mural de fotografias com uma câmera polaroid, tornando um projeto constante da turma, para podermos fazer um mural com todos os estudantes de ateliê que passassem pela universidade. Porém a ideia foi descartada por razão financeira e dificuldade de encontrar o filme da câmera.

Ideia 2:
Fazer um varal com os acontecimentos da minha vida, que foi registrado em diários desde a infância.

Depois de conversar com os professores em sala de aula, pude aprofundar e perceber que não conseguiria passar o sentimento que eu gostaria com este tanto de documento que eu tenho produzido.

Ideia 3 (final):
Montar uma barraca aconchegante e convidar os alunos, professores e funcionários para poder falar de amor. Uma pessoa entra por vez na cabana, dependendo do desenrolar da conversa, pergunto para o convidado se ele se sente a vontade para contar para mim a sua história, desta vez.

A minha intenção é mobilizar, acolher, compreender e registrar histórias de amor. Minha especialidade.
Falar de amor, é se tornar disponível a sensibilidade mais delicada do amar. Compreender, aconchegar, aconselhar, acompanhar e desabafar, conversar sobre amor é compreender o outro e se tornar semelhante.
video

Teste do ambiente para a apresentação do projeto na Segunda - Feira (02/05/2016)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe sua mensagem após o BIP: "BIIIIIIIIIIIIIP"